Visual Studio 2013

A Microsoft lançou em novembro de 2013 oficialmente a nova plataforma do Visual Studio 203 renovando o seu ciclo de ferramentas e estratégias para suportar projetos de desenvolvimento de software desde o planejamento, gestão de projetos, codificação, gestão de qualidade até a publicação na sua infraestrutura ou na nuvem como é o caso do Windows Azure.

Eu acompanho a plataforma do Visual Studio desde os tempos do basic e estive junto trabalhando em projetos de software e acompanhando todas as tendências e inovações ainda no tempo que cada pessoa tinha o código em sua máquina até os tempos atuais onde está tudo distribuído e as pessoas mesmo remotamente trabalham no mesmo projeto e código fonte.

Com o lançamento da plataforma .NET Framework a Microsoft atravessou o abismo existente  entre o VB6 e as novas linguagens com amplo suporte a orientação a objetivo, garbage collector, e framework padrões para reutilização imediata. Surgiu o ASP.NET em pleno momento de imersão das aplicações web trazendo todo o poder para os desenvolvedores de aplicações .NET conquistando uma legião de fãs o que reposicionou o Visual Studio no mercado como líder em plataforma de aplicações.

Seguindo o ciclo de inovação continua a Microsoft lançou a sua primeira solução de ALM ainda em 2005 com o nome de Team System reunindo as principais práticas internas e ferramentas já usadas por eles para que outras empresas pudessem elevar o nível de desenvolvimento pensando em governança de aplicações e não mais somente em codificação.
Com essa alavancagem a Microsoft consolidou o Visual Studio com a melhor solução de Application Lifecycle Management (ALM) do mercado.

As principais Ferramentas:
– Visual Studio Professional (Desenvolvedores individuais)
– Visual Studio Premium (Desenvolvedores corporativos)
– Visual Studio Ultimate (Desenvolvedores corporativos, multifuncionais, arquitetos de software).
– Team Foundation Server (ALM,  colaboração e gestão para todos do projeto)
– Test Professional / Lab Management (Testadores e profissionais de qualidade)
– Team Build / Release Management (Gerentes de configuração)

Você ainda tem a disposição o Visual Studio 2013 Express para estudar e iniciar na plataforma .NET diretamente em sua casa aproveitando a melhor experiência do Visual Studio.

Visual Studio Online (VSO)
A Microsoft iniciou o projeto de portar toda a sua estratégia do Visual Studio para a nuvem levando primeiramente o Team Foundation Server e durante lançamento revelou os planos de expandir os serviços oferecendo também o editor de desenvolvimento complemente online para que você tem a disposição todos os recursos do Visual Studio independentemente de onde esteja. O serviço de gestão do TFS já está em produção e você pode optar por iniciar o seu projeto já nele sem se preocupar em instalar e configurar o TFS.

– Suporte TFS online
– Suporte Testes de Carga
– Suporte serviço de Build
– Suporte ao Visual Studio “Monaco”

Os primeiros 05 usuários no plano básico são gratuitos. Portanto basta se cadastrar e subir os seus proejtos para o TFS online. A medida o seu projeto for crescendo você vai contratando usuários adiiconais. Toda operação online é baseada na nuvem do Windows Azure e mantida pelo time da propria Microsoft o que libera a sua emprea de se preoculpar com manutenções, backup e demais custos de operação.

Próximos passos
Tenho trabalhado nos ultimso anos com as princiais empresas de software no Brasil desenvolvendo estrategias para modernização e migração de aplicações focando em padronização, arquitetura de referência. Entre em contato informando os desafios e detalhes do projeto para que possamos estudar como a sua empresa pode aprovetiar o melhor do Visual Studio..

Para saber mais:
Visual Studio

[],
Ramon Durães
CTO na 2PC
MVP, Visual Studio ALM
PSM, CSM, PSD